Top Ad unit 728 × 90

Carnaval — Educar para Aprender.

CARNAVAL: EDUCAR PARA APRENDER
Aspectos históricos do carnaval
O Carnaval diz muito sobre a história do Brasil e da antiga sociedade europeia. Segundo algumas correntes, o Carnaval teria como marco inicial os cultos agrários de povos antigos como os egípcios, persas, fenícios e gregos.
o que é carnaval
As comemorações marcavam o início da primavera, quando os povos dançavam ao redor de fogueiras, usando máscaras e adereços para a garantia de uma boa colheita. A festa só surgiu como verdadeira prática pagã (sem crença religiosa) no Império Romano.


Depois, foi incorporada ao calendário católico pela Igreja e chegou ao Brasil junto à colônia portuguesa. Aqui a comemoração foi encorpada pelas manifestações culturais dos negros escravos, a grande massa popular no Brasil do século XIX.
historia do carnaval
Forma lúdica
Atividades relacionadas à expressão corporal, como danças e manifestações culturais, e trabalhos de leitura histórica e literária são alguns exemplos de possíveis conteúdos para estudo e pesquisa. "Misturar a história ao lúdico fantasioso é um exercício possível", diz Rosangela Francischini, coordenadora do Núcleo de Estudos Socioculturais da Infância e Adolescência da Universidade de Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). "O Carnaval permite que as crianças aprendam de forma
carnaval ludico educacao infantil

Envolver a família
O período do Carnaval é bastante propício para promover uma maior aproximação da escola e da família. Como uma pesquisa em família sobre a história do Carnaval de suas épocas. A importância dessa festa.
familia carnaval
carnaval diferencas culturaisDiferenças culturais
Um tema interessante para ser tratado nesse período sãos as diferenças culturais. Existe Carnaval em outros países? Como é a festa ao redor do mundo? As diferentes nacionalidades dos pais (alunos, funcionários e professores da escola) contribuem para boas histórias. Os alunos ficam sabendo como são as comemorações em diferentes países, tudo graças à participação da família dos alunos.
Diferenças culturais carnaval
Religião
A história do Carnaval como conhecemos hoje está relacionada à história do cristianismo. A festa antecede a quaresma, que é um período de 40 dias de sacrifício dentro do calendário judaico-cristão. Porém, no Brasil, a comemoração ganhou contornos diferentes, relacionando-se às culturas populares indígenas e africanas desde a época do Império (século XIX).

Rosangela Francischini, destaca que a festa é ligada ao calendário religioso, mas tem caráter profano. Esse vínculo com a religião permite uma abordagem do catolicismo e de suas influências no Brasil. "O Carnaval atual tem relação com o passado, quando a Igreja Católica teve a necessidade de converter as manifestações pagãs realizadas no Império Romano.
carnaval e religiao
Folclore regional
No período que antecede a festa, além do caráter pedagógico de se ensinar para os alunos o valor da diversidade cultural brasileira, o Carnaval permite a exploração do folclore regional do país. Mencionar a existência de manifestações como o maracatu, o frevo, o bumba-meu-boi, o samba de roda e a festa de Parintins no Amazonas é proporcionar aos estudantes uma viagem por diversos "Brasis". Faremos uma viagem sobre a festa de carnaval de Parintins, no Amazonas, a partir do tema "[Boi] Caprichoso versus [Boi] Garantido". "Encontramos um tema para estimular a pesquisa e transmitir a história da Amazônia para os alunos. Vamos tirar proveito da pesquisa pedagogicamente, num trabalho multidisciplinar“.
carnaval Folclore regional
Folclore regional carnaval
Gêneros e sexualidade
A partir do caráter lúdico das fantasias, até mesmo questões de gênero podem ser tratadas com os estudantes. Afinal, a divertida brincadeira de se fantasiar do outro sexo (menino como menina e vice-versa) pode gerar debates interessantes sobre o papel e comportamento social do sexo alheio. "O Carnaval é a festa em que o invertido é permitido, ninguém censura. Nossos alunos se fantasiam com máscara, caricatura sem ofensa. Trabalhamos a questão de gênero e o combate à homofobia em atividades lúdicas carnavalescas.
se vestir de mulher carnaval
Música brasileira
Chiquinha Gonzaga, Braguinha (também conhecido como João de Barro), Ary Barroso, Noel Rosa, Lamartine Babo e Irmãos Valença são alguns dos mais importantes compositores populares do Brasil do século XX. O Carnaval é um bom período para apresentar artistas .
Musica brasileira carnaval
Musica brasileira carnaval
Interdisciplinaridade
Não é só história, religião ou música que podem ser abordados no carnaval. a questão mercadológica e social do Carnaval é abordada em aulas de matemática e filosofia. "Nas aulas de matemática, podemos trabalhar com cálculos usando os gastos de escolas de samba. Existe toda uma indústria por trás do carnaval que poucas pessoas abordam.Em, arte podemos envolver colagem com elementos típicos do Carnaval (purpurina, serpentina, confete), vale explorar a transformação do espaço para alimentar a imaginação e a criatividade das alunos. Como conteúdo das aulas, as marchinhas podem ser utilizadas no processo de produção de texto. Também é possível ensinar e aprender literatura tendo como pano de fundo o Carnaval. Os momentos de estudos literários podem ser transformados em aulas de estudo do gênero textual "marchinhas de carnaval".
carnaval como surgiu
Carnaval na escola
Carnaval é!
Folia

Entra ano a sai ano
E o povo fica a contar
O dia esperado
Pra na folia brincar.
Carnaval é festa tradicional
Todos fica a dançar
Ao som de marchinhas
E não param de cantar.

Sempre alegria deseja a todos um ótimo Carnaval!!!
Carnaval escola
Carnaval é alegria
Aproveite bem!
Carnaval é alegria
JOÃO XXIII
TEMA: EDUCAR PARA APRENDER
Turmas:1º a/b
16/02/2012 Prof.ª Lúcia
Carnaval Educar para Aprender
Carnaval — Educar para Aprender. Reviewed by Elaine Cristine on 10:47 Rating: 5

Nenhum comentário:

All Rights Reserved by Aprender e Brincar © 2014 - 2015
Powered by Blogger

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.