Top Ad unit 728 × 90

Plano de alfabetização.

1. Escola ....................................................
Plano Mensal
Série: ______________________ Turma ______ - Turno: __________________
Período de ____/____/____ a ____/_____/______
Professora: ______________________
Tema: __________________________
Objetivo: ________________________

FEVEREIRO/MARÇO

CONTEÚDOS E ATIVIDADES 

Veja também:


Movimento 
  • Percepção dos limites e as potencialidades do corpo através de jogos e brincadeiras relacionados ao tema 
plano de alfabetização

Musical  
  • Ouvir e dançar musicas relacionada ao tema: mãozinhas, eu conheço um jacaré, rock pop... 
  • Aprender coreografias de musicas que envolvam o esquema corporal: rock pop... 
  • Descobrir os sons que o corpo pode produzir: palmas, bater o pé, sons com a boca, e outros que a professora descobrir. 

Arte Plástica 
  • Criação de desenhos, pinturas, rasgaduras, recortes e colagens, modelagens (massa ou argila) de figuras humanas. 
  • Apreciação de fotografias de fases diferentes da sua vida. 
  • Montagem de figuras humanas (quebra cabeça).
Arte teatral 
  • Apresentação através de desfile das fases da vida. 
  • Dramatização dos hábitos diários de higiene. 
  • Fazer maquiagens para mudar as características do rosto

AVALIAÇÃO:
A avaliação será continua através da:

1. observação.
2. participação.
3. socialização de saberes (de acordo com a maturação)
4. execução das atividades.

METODOLOGIA
Aulas dialogadas, vivenciadas, com auxílio de materiais concretos, excursões, entrevistas, atividades orais e escritas; dramatização e música.

DATAS COMEMORATIVAS

CONTEÚDOS E ATIVIDADES:

Linguagem oral 
  • Favorecer para que as crianças aprendam o nome das partes do corpo, e outras palavras novas ampliando o vocabulário. 
  • Deixar a criança relatar suas experiências (argumentando suas idéias) para que ela inicie seu processo de redação utilizando a seqüência de fatos e pontos de vista. 
  • Favorecer o uso dos termos temporais: ontem, hoje e amanhã.
  • Leitura livre de palavras contextualizadas, ligadas ao tema. 
  • Leitura dirigida de silabas e palavras estudas: b/c e todas suas complexidades. 
Plano de alfabetização
Linguagem escrita 
  • Observar a escrita da professora em vários contextos (livre)  
  • Ser estimulado a escrever o próprio nome sem treino excessivo
  • Produção livre de desenhos, produções dirigidas desenhos das pessoas. 
  • Escrita livre do nome das partes do corpo e de pequenas frases. 
  • Escrita dirigida de silabas e palavras estudas: b/c e todas as suas complexidades. 
  • Conhecimento do alfabeto sem treino para decoreba (brincar com musica, com versos etc...)

OBS: Enviar para casa a leitura de um mapa contendo todas as famílias silábicas de B a Z e fazer a leitura das mesmas todos os dias. Ir comunicando aos pais as crianças que estão avançando e reforçar junto aos pais as crianças que não estão progredindo.

Matemática
  • Realização de contagem livre dos números de 0 a 20
  • Explora a serie de 0 a 20 (antecessor, sucessor e seqüência)
  • Reconhecer a necessidade e a função do numero (calendário, relógio e idade das crianças).
  • Classificação (separar): de objetos que usamos na infância, na juventude, na vida adulta. de grupos de pessoas por suas características: homem mulher, menino menina; criança jovem adulto e idoso.
  • Correspondência um a um: ligar cada pessoa a sua vestimenta pelo tamanho, (sexo); brincar de vestir o colega (ou boneco) com a roupa completa, relacionar os sentidos as partes do corpo. Corresponder número e quantidade.
  • Agrupamento (juntar – formar conjuntos): objetos parecidos, pessoas que tenham semelhanças ( tamanho, idade) , etc...
  • Reconhecer as formas geométricas classificando-as quanto a cor, tamanho, forma.
Formação social e pessoal
  • Valorizar o cuidado com o corpo.
  • Perceber a necessidade de ter cuidado com o corpo do outro.
  • Respeitar sua própria diferença e a dos outros.

REFORÇO (leitura e escrita)
1ª semana __/___ a ___/___ – vogais a, e , i, o, u,
2ª semana ___/___/___ a ___/___ – encontro de vogais – au, ai, aí, ui, uí, ei, oi, uá, eia, Iaiá, ioiô, uê, oia.
3º e 4ª semanas ___/___/___ a ___/___ – Família Bb (leitura e escrita da família silábica Bb, de palavras simples - aba, oba, ubá, baba, bebe, bebê, babou, babei, bebeu, boa, baia, bobo, bóia, beba, babá, Bia, Bobi, Biba.
4ª e 5º semanas ____/___/___ a ___/___ – Família Cc ( leitura e escrita da família silábica Cc de palavras simples – caco, coco, cuca,cuco, eco, oco, côa, cuia, cacau,cueca, cuíca, caiu, boca, beco, bica, bico, cabo, cubo, cão, bicão, Baio, Cacá, acabou, acabei, coube.
Plano de alfabetização
ABRIL
CONTEÚDOS E ATIVIDADES 

Movimento 
  • Reproduzir através de jogos imitativos os movimentos: 
       - Páscoa – do coelhinho, do peixinho....
       - Indígena – caça, pesca, nadar no rio, dormir na rede, tomar banho no rio...
  • Exploração dos movimentos das mãos na modelagem com argila dos utensílios Indígenas. 
  • Exploração do controle de freio: correr e ao sinal fazer o uso do freio corporal. 
  • Percepção das habilidades motoras finas: perfuração, enfiagem, colagem, rasgadura.

Musical
  • Ouvir e dançar musicas relacionada aos temas: Páscoa: coelhinho da páscoa, dona coelha, a casa da coelhinha... Índio: A indiazinha Iracema, 1,2,3 indiozinhos... 
  • Aprender coreografias de musicas que envolvam os ritmos indígenas (usar tambor, chocalhos...) 
  • Descobrir os sons indígenas que o corpo pode produzir com a boca, com os pés e mãos. 
Dever de casa – Leitura e escrita das famílias silábicas em estudo.


AVALIAÇÃO:
A avaliação será continua através da:
1. observação. 
2. participação.
3. socialização de saberes (de acordo com a maturação)
4. execução das atividades. 

METODOLOGIA
Aulas dialogadas, vivenciadas, com auxílio de materiais concretos, excursões, entrevistas, atividades orais e escritas; dramatização e música. 

DATAS COMEMORATIVAS
Plano de alfabetização
CONTEÚDOS E ATIVIDADES:

Arte Plástica 
  • Criação de desenhos, pinturas, rasgaduras, recortes e colagens, modelagens (massa ou argila) explorando os símbolos da páscoa, e as figuras indígenas. 
  • Apreciação das figuras dos símbolos pascais; fazer a diferença entre figuras da vida indígena antiga e atual. 
  • Montagem das figuras dos símbolos da páscoa e de figuras indígenas (quebra cabeça). 
  • Percepção de figura fundo. Ex: encontrar os ovinhos que o coelhinho escondeu no jardim; encontrar o indiozinho que está escondido na mata. 

Arte teatral 
  • Dramatização de histórias indígenas. 
  • Fazer maquiagens para mudar as características do rosto: maquiagem de coelho e indígena, fazer misturas com produtos naturais, como o urucum e carvão, para fazer a pintura do corpo das crianças.. 

Linguagem oral 
  • Favorecer para que as crianças aprendam novos nomes, construindo uma lista de palavras indígenas com tradução em português; construir uma lista de palavras indígenas que nós usamos no dia-a-dia. 
  • Deixar a criança relatar suas experiências (argumentando suas idéias) para que ela faça seu processo de redação utilizando a seqüência de fatos e pontos de vista. 
  • Favorecer o uso dos termos temporais: ontem, hoje e amanhã. 
  • Leitura livre de palavras contextualizadas, ligadas ao tema e as famílias silábicas em estudo.

Ciências sociais e naturais
  • Conhecer os símbolos pascais e seus significados de forma simples.
  • Conhecer a forma de vida antiga dos índios 
  • Conhecer a forma de vida atual dos índios
  • Conhecer os objetos domésticos utilizados pelos índios em suas aldeias. (antiga) 
  • Conhecer os objetos indígenas usados para caçar, pescar, dormir, e outros (antiga). 
  • Conhecer as brincadeiras das crianças indígenas. (antiga) 
  • Conhecer a moradia indígena (antiga)
  • Conhecer as formas de diversão dos índios e suas famílias.

Ciências sociais 
  • Conhecer os hábitos de higiene indígena e que nós aprendemos com eles.
  • Conhecer os hábitos alimentares indígenas e que nós aprendemos com eles...
  • Conhecer e valorizar a cultura indígena em todos os seus aspectos, através de atividades lúdicas.
Plano de alfabetização
CONTEÚDOS E ATIVIDADES:

Linguagem escrita 
  • Observar a escrita da professora em vários contextos (livre)
  • Ser estimulado a escrever o próprio nome sem treino excessivo.
  • Produção livre de desenhos, produções dirigidas desenhos das pessoas.
  • Escrita livre do nome das partes do corpo e de pequenas frases.
  • Escrita dirigida de silabas e palavra estuda: d/f e todas as suas complexidades.
  • Conhecimento do alfabeto (brincar com musica, com versos etc...).

Matemática
  • Realização de contagem livre dos números de 10 a 15
  • Dezena. DIFERENCIAR UNIDADE E DEZENA
  • Vizinhos (quem vem antes, quem vem depois)
  • Conjuntos – relacionar numeral e quantidade
  • Reconhecer a necessidade e a função do numero (calendário, relógio idade das crianças).
  • Classificação (separar): Os símbolos da páscoa por grupo para pintura e exposição dos mesmos.
Separar os objetos indígenas conforme sua utilidade.
  • Correspondência um a um: Fazer a correspondência de objetos indígenas por semelhança, por utilidade e por igualdade; relacionar numeral e quantidade.
  • Agrupamento (juntar): objetos parecidos, pessoas que tenham semelhante.
Formar conjuntos grandes em subconjuntos conforme a quantidade pedida.

Seriação (o ato de organizar obedecendo a uma ordem ou uma seqüência) usar elementos indígenas, objetos e pedir que as crianças que as organize em uma determinada ordem, pode também usar as cores. Escrever varias sequências numéricas. Ex: de 5 a 10; 8 a 15; etc...

Formação social e pessoal
  • Valorizar a cultura religiosa de sua sociedade.
  • Perceber a necessidade.
  • Respeitar sua própria diferença e a dos outros.


REFORÇO (leitura e escrita)
1ª e 2ª semanas __/___ a ___/___ - família silábica Dd – bode, dedo, dia, cocada, doeu, doía, doido, doído, idade, cuidado, cabide, caduco, dedão, doidão, Adão, Didi, Dadá, Aida, Dedé, Dudu.

Dada 

O dado é da Dada 
 Dada é educada
Dada dá cocada a Aída
_ Cocada, Aída?
_ Oba! Ô cocada boa!

3ª e 4ª semanas __/___ a ___/___ - família silábica Ff – faca, feio, foca, fofo, fé, fubá, café, bofe, bife, fiado, abafa, facão, fã, bifão, bufão, Fifi.

A fada

A fada é boa.
A fada cuida de Fabio.
Fabio afia a faca.
Fabio é afobado.
_ Cuidado, Fabio! A faca é afiada!
MAIO
CONTEÚDOS E ATIVIDADES AVALIAÇÃO:

Movimento
  • Exploração do controle e manejo corporal.  
  • Trabalhar a lateralidade. 

Musical 
  • Trabalhar o silêncio e o seu valor. (dinâmicas)
  • Ouvir e dançar musicas relacionada ao tema: Família / Maria / nossa casa. 

Arte Plástica 
  • Criação de desenhos que retratem a sua família e a sua casa 
  • Pinturas de figuras que retratem vários tipos de família e as casas. 
  • Apreciação de fotografias que mostrem momentos em família. 
  • Montagem de um álbum de família desenhado. 
  • Montagem da casa com materiais variados (palito, serragem, papel picado, papelão). Usar o caderno meia pauta.

Arte teatral 
  • Dramatização de histórias que envolvam as figuras e cenas, da família. 
  • Realizar um desfile de representação dos personagens familiares. 
  • Dramatizar como se comportam as pessoas diante de situações difíceis em família.

AVALIAÇÃO:
A avaliação será continua através da:
1. observação.
2. participação.
3. socialização de saberes (de acordo com a maturação)
4. execução das atividades.

METODOLOGIA
Aulas dialogadas, vivenciadas, com auxílio de materiais concretos, excursões, entrevistas, atividades orais e escritas; dramatização e música.

DATAS COMEMORATIVAS
CONTEÚDOS E ATIVIDADES

Linguagem oral
  • Descrever pessoas de sua família; objetos de sua casa; descrever os ambientes da sua casa; descrever suas experiências religiosas. 
  • Fazer relatos na rodinha dos acontecimentos em família que são bons. 
  • Apreciar fotografias e figuras de cenas mesma levando a criança a elaborar perguntas e respostas. 
  • Realizar leituras incidentais e formais com as silabas já trabalhadas. 
  • Descobrir novas palavras com as Sílabas do Gg / Jj 

Linguagem escrita 
  • Observar a escrita da professora em vários contextos (livre) 
  • Ser estimulado a escrever livremente palavras contextualizadas. 
  • Ser estimulado a escrever palavras variadas que ele já tenha domínio. 
  • Produção livre de desenhos, produções dirigidas, desenhos e textos coletivos relacionados ao tema. 
Identificação e escrita de letras silabas e palavras com as letras exploradas na palavra família. Gg / Jj e produzir frases coletivas.

Ciências Sociais
  • Como é a família da criança (tipos de família) 
  • Reconhecimento de que faz parte de uma família. 
  • Identificar como as pessoas se ajudam em família.
  • Discutir como vivemos em família, conversar sobre os problemas de convivência familiar e como podemos ajudar a soluciona-los. 
  • Quem mora na minha casa. ou não. 
  • Quem não mora na minha casa, mas é da minha família. (parentesco)
  • Como é a minha casa. Descrever quanto a suas características (tamanho, cor, familiares, fazer a interpretação da compartimentos, o lugar que mais gosta da casa). 
  • Participar dos festejos em Louvor a Nossa Senhora. 

Matemática
  • Realização de contagem livre dos números de 0 a 25
  • Iniciação a dezena. Usar material concreto para trabalhar dezena e unidade. (10) 
  • Iniciação a dúzia. Usar material concreto. (12)
  • Trabalhar a escrita numérica buscando ajudar aqueles que ainda tem dificuldades.
  • Reconhecer a necessidade e a função do numero (calendário, relógio e idade das crianças). 
  • Explorar conjuntos (tipos, quantidade e formação por elementos). 
  • Explorar símbolos U E E = =. 
  • Classificação (separar): quanto a semelhanças, diferenças, quantidades. 
  • Correspondência um a um: relacionar numero a quantidade.
  • Agrupamento (juntar): objetos parecidos, pessoas que tenham semelhanças.  
  • Seriação (o ato de organizar obedecendo a uma ordem ou uma seqüência) usar elementos da família, objetos e pedir que as crianças organizem uma determinada ordem, pode também usar as cores. 
  • Compor e decompor objetos (figuras) - (analise e síntese)

Dever de casa – Leitura e escrita das famílias silábicas em estudo.
CONTEÚDOS E ATIVIDADES
Ciências Naturais
* Identificar os hábitos de higiene da família

Formação social e pessoal 
  • Valorizar a sua família e sua casa. 
  • Perceber-se como parte integrante de uma família.
  • Respeitar sua própria diferença e a dos outros, no que diz respeito formação familiar e a realidade social de cada um. 

REFORÇO (leitura e escrita) 
1ª e 2ª semanas __/___ a ___/___ - família Gg ga go gu gão

Gago, goiaba, goiabada, bigode, bigodudo, égua, gude, agudo, água, figa, figada, figado, fogo, fogão, afago.

Bigode 
Bigode é o gato de Guga. 
Guga dá água a Bigode. 
- Bigode! Cá! Bebe água!
Guga afaga Bigode.

A égua Guaíba
Guaíba é a égua de Guga. 
Guga dá água a Guaíba.  
- Bebe água, Guaíba!  
- É água da bica. 

3ª e 4ª semanas __/___ a ___/___ - família Jj já je ji jô ju jão

Jaca, jabá, jeca, cajá, juba, jibóia, jia, beijo, jóia, jogo, feijão, caju, feijoada, cajuada.

O jacaré, a jibóia e o bode
O jacaré bebe café. 
A jibóia bebe cajuada. 
E o bode? 
O bode joga dado e bebe água de coco. 

Joca 
Joca foi ao jogo 
O bode joga. 
Joça joga. 
O bode caiu. 
Joca ajudou o bode.
Plano Mensal 
JUNHO/JULHO

JUSTIFICATIVA: Com o objetivo de fazer o resgate sócio cultural de nossas crenças e costumes regionais, e de nosso pais, que se confundem como um todo em função do grande abertura de informação que acontece nos dias atuais. É fundamental manter a história, as crenças que refletem e se revelam de varias maneiras na sociedade em que vivemos, sem esquecer de particularizar, enfatizando o folclore regional.

OBJETIVOS:
  • Ampliar o desenvolvimento da criança em todos os aspectos: motor amplo e fino; cognitivo; social e afetivo. 
  • Proporcionar a criança a ampliação do seu conhecimento de mundo com relação ao meio social em que ela vive, dando a ela oportunidade de conhecer (ou resgatar) a cultura de sua terra. 
  • Interar a criança da importância do folclore que foi trazido de outros lugares para o desenvolvimento da cultura do nosso país, e da nossa região. 
  • Conhecer lendas, mitos, musicas, brinquedos, brincadeiras, poesias, trava-lingua, ditos populares, comidas típicas, festas populares e advinhas. Formando assim o conceito do folclore em sua concreticidade.
  • Participar ativamente das atividades propostas e da culminância do projeto.

CONTEÚDOS EXPLORADOS 
  • Lendas, mitos, contos, histórias, personagens folclóricos, causos, crendices, supertições... 
  • Trava-língua, poesias, advinhas, quadrinhas populares, rimas, desafios, ditos populares, ditos populares... 
  • Músicas de ninar, de roda, de dançar em festas especiais... 
  • Brincadeiras cantadas (o seu rei mandou pedir, o cravo brigou com a rosa, Terezinha...), dramatizadas e jogos (macaca, chicote queimado, pular corda, melancia, boca de forno, cemitério, anelzinho,...) 
  • Brinquedos: cavalo de pau, pé de lata, bilboquê, curica, papagaio, peteca de barro cozido, bola de meia, balão de papel e outros... 
  • Medicina caseira: chá, folhas, paus, sementes... 

AVALIAÇÃO:
A avaliação será continua através da: 
1. observação. 
2. participação. 
3. socialização de saberes (de acordo com a maturação) 
4. execução das atividades. 

METODOLOGIA 
Aulas dialogadas, vivenciadas, com auxílio de materiais concretos, excursões, entrevistas, atividades orais e escritas; dramatização e música.

DATAS COMEMORATIVAS
  • Comidas típicas regionais e nacionais. 
  • Festas regionais o Boi Bumba, Junina, Ciranda, Cupuaçu, Laranja, Guaraná e do leite; nacional carnaval e outras... 
  • Arte popular o cesto de palha, os brinquedos de pau, os trabalhos manuais vendidos nas praças. 
  • Brincadeiras das noites juninas: pescaria, prisão, pau de sebo... 
  • Instrumentos folclóricos: sanfoninha e triangulo, cheque-cheque.... 
  • Conhecer tipos populares: o peixeiro, bananeiro, jornaleiro, leiteiro, cascalheiro e outros (como eles se transformaram nos dias atuais).

PROPOSTA DE ATIVIDADES
(fica a cargo de cada professora explorar a atividade no nível de entendimento da sua turma). 
  • Conversas dirigidas na rodinha para atender ao objetivo de ampliar o vocabulário. Nesta estaremos motivando as crianças a participarem do projeto ativamente. 
  • Realizar sessões de musicas: para cantar e dançar as músicas pesquisadas e/ou descobertas. 
  • Sessão da brincadeira de roda, dançar e cantar cantigas de roda. 
  • Confeccionar brinquedos com sucatas e fazer exposição, ou realizar uma sessão do brincar com os brinquedos folclóricos. Poderá também fazer a “dia” do soltar papagaio no pátio da escola; ou a manhã da casinha, brincando com bonecas de pano e panelinha de lata... 
  • Sessão das brincadeiras esquecidas: amarelinha, chicote queimado, esconde-esconde, manja-pega, cabra-cega, elástico... (convidar uma mãe para ensinar as crianças a brincarem) 
  • Montar murais de pesquisas sobre plantas medicinais e seus benefícios e utilidades; fazer a hora do chá... 
  • Dramatizar lendas, mitos, contos e fazer uma sessão de poesia (tipo hora do lanche, de cada turma sai um pequeno grupo para ler ou declamar uma poesia (saral)). 
  • Encenar os tipos populares: peixeiro, jornaleiro, cascalheiro, picolezeiro e outros (já esquecidos). 
  • Encenar o casamento na roça. 
  • Realizar uma sessão de brincadeiras cantadas: o cravo e a rosa; o seu rei mandou pedir, Terezinha de Jesus, escravo de Jó, bombarqueiro... 
  • Realizar um lanchinho em classe coletivo de comidas típicas, ou só uma pesquisa de figuras e montar um painel. 
  • Realizar um campeonato de adivinhas, provérbios, ditos populares com direito a premio (um saco de pipoca) 
  • Criar a hora do conto e a cada dia vir uma pessoa da criança contar uma lenda, um mito, ou um conto do folclore (tomar cuidado para que não se repitam as historias). 
  • Confeccionar cartazes e listas dos personagens do folclore pesquisados: Saci, Cuca, Cobra-Grande, Curupira, Iara... 
  • Confeccionar máscaras dos personagens folclóricos para que as crianças saiam caracterizadas após ouvir a historia dos personagens. 
  • Desfile de trajes folclóricos e de personagens. 
  • Montar maquete de festas folclóricas: Festa Junina; Carnaval ou do Boi Bumba.
  • Fazer uma exposição de roupas usadas por eles em festas folclóricas 
  • Montar painel de fotos mostrando a participação deles em festas folclóricas. 
  • Explorar MUITO o desenho a pintura, a colagem, a perfuração, a enfiagem, a dobradura, etc... 
  • Explorar MUITO a expressão corporal dançando, brincando usando espaço físico. 
  • Explorar MUITO a expressão verbal cantando, declamando, deixando eles falarem de suas experiências com relação ao tema.

CONTEÚDOS E ATIVIDADES

Movimento 
  • Explorar todo o brincar, o dançar o dramatizar do Projeto Folclore. 
  • TRABALHO MOTOR FINO: rasgadura, enfiagem, dobradura e colagem. 
  • Explorar a motricidade gráfica e as habilidades motoras finas e amplas. 

Musical 
  • Explorar toda a parte musical: cantigas de roda, de ninar, danças de festas e brincadeiras cantadas. 
  • Escutar obras do folclore brasileiro, através de uma sessão de musicas infantis. 

Arte Plástica 
  • Explorar a arte popular; a construção dos brinquedos; o  envolvimento com o ato de dramatizar, construção de mascaras e maquetes de festas juninas. 
  • Toda a decoração do espaço escolar com motivos juninos construídos pelas crianças. 

Arte teatral 
  • Buscar a ação teatral sugerida no projeto folclore.
  • Realizar a caracterização das crianças, imitando a moda caipira. 

Linguagem oral
  • Favorecer para que as crianças para que tenham o seu momento de falar sobre o folclore e suas experiências com relação a ele.
  • Favorecer para que as crianças para que tenham o seu momento de contar histórias, lendas, mitos, contos e causos. 
  • TRABALHAR A ANÁLISE DE PALAVRAS COM: 
Mm – Nn e Pp 

  • LEITURA DIRIGIDA DE TODAS AS FAMÍLIAS SILÁBICAS TRABALHADAS. 

Linguagem escrita
  • Produção livre de desenhos, produções dirigidas desenhos relacionados ao tema.
  • TRABALHAR A ANALISE DE PALAVRAS COM: Mm – Nn e Pp 
  • Realizar DITADO TODOS OS DIAS com as famílias silábicas trabalhadas.

Dever de casa – Leitura e escrita das famílias silábicas em estudo.
CONTEÚDOS E ATIVIDADES 

Ciências Naturais 
  • Medicina caseira e os tipos de alimentação da nossa cultura. 

Ciências Sociais 
  • Nossa cultura – Nosso folclore. 

  • Realização de contagem livre e dirigida dos números de 0 a 30.
  • Escrita da seqüência numérica, seus antecessores e sucessores, ordem crescente e decrescente. 

Formação social e pessoal 
  • Valorizar a cultura do seu povo. 
* Perceber-se como parte integrante dessa cultura

REFORÇO (leitura e escrita)
Mm - ma me mi mo mu mão 

Amigo, mela, mamão, meia, medo, miado, mico, moeda, mola, mofo, mula, limão, mãe, mamãe, mimado, camelo, Moema, Mimo, macaco e mão.

Mimo
Mimo é o macaco de Jujuba.
Jujuba fala: 
 - Mimo, joga a bola! 
O macaco joga a bola. 
Jujuba dá melado a Mimo.

Nn – na ne ni no nu não 
Nabo, nada, cana, janela, canela, boneca, anima, cano, abano, banana, canudo, anã, mano, não e anão. 

O navio de janeiro 
O navio boia no lago. 
O navio é de Jane. 
Jane nada ao lado do navio. 
Dona Neli é a mãe de Jane. 
Ela fala: 
_ Jane é uma menina animada! 

Pp – pa pe pi pó pu pão Papo, papa, papai, pé, pega, apelido, pipa, piada, pipoca, pó, popa, piano, pulo, pua, pião. 


O pato 
O pato nada no lago 
Pepeu não nada 
Pepeu é o cão de Felipe. 
Felipe jogou pão na água. 
Ela falou: 
- Epa! O pato papou o pão!
AGOSTO
CONTEÚDOS E ATIVIDADES
Movimento 
  • Explorar todo o brincar, o dançar e o dramatizar relacionado as datas comemorativas e as famílias silábicas estudadas . 
  • TRABALHO MOTOR FINO: rasgadura, enfiagem, dobradura e colagem das famílias silábicas em estudo. 
  • Explorar a motricidade gráfica e as habilidades motoras finas e amplas. 

Musical 
  • Usar a arte musical que explora o som das águas: chuva, som de cachoeira, do mar promovendo o relaxamento da turma. 

Arte Plástica 
  • Toda a decoração do espaço da sala de aula com cartazes e painéis que estejam relacionados as leituras vivenciadas pelos alunos. 
  • Desenhar, pintar, recortar, colar e modelar tendo como referencial a leitura e escrita.
Arte teatral 
  • Buscar a ação teatral voltada às famílias silábicas em estudo.

AVALIAÇÃO:
A avaliação será continua através da: 
1. observação. 
2. participação. 
3. socialização de saberes (de acordo com a maturação) 
4. execução das atividades.

METODOLOGIA 
Aulas dialogadas, vivenciadas, com auxílio de materiais concretos, excursões, entrevistas, atividades orais e escritas; dramatização e música.

DATAS COMEMORATIVAS 
CONTEÚDOS E ATIVIDADES

Linguagem oral 
  • Favorecer para que as crianças tenham o seu momento de falar sobre a importância da VIDA no seu Meio Ambiente, no seu meio social e cultural, através de suas experiências. 
  • Criar o momento da história (relacionada ao tema das datas comemorativas) contada pela professora, e fazer a interpretação da mesma, levando a criança a elaborar perguntas e respostas. 
  • Trabalhar leitura individual e coletiva das famílias silábicas em estudo. 
  • Explorar cartaz e material visual através da linguagem oral. 
  • Trabalhar auto-ditado - para enriquecimento da linguagem oral e escrita. 
  • TRABALHAR A ANÁLISE DE PALAVRAS COM: 
Rr ra re ri ro ru rão 
Ss sa se si so su são 

  • LEITURA DIRIGIDA – para que a criança torne-se alfabetizada faz-se necessário, leitura, ditado e exploração de leitura visual, através de questionamentos para que o aluno assimile de forma coerente e eficaz a todo contexto da serie em questão.

Ciências Naturais e Ciências Sociais 
  • Trabalho da área das ciências será desenvolvido através das datas comemorativas 

  • TRABALHANDO com a adição e a subtração. PRIMEIRAMENTE no concreto e depois nas continhas armadas. 
  • Explorar números ordinais 1º ao 9º. 
  • Explorar números pares e impares 0 ao 9. 

Formação social e pessoal 
  • Adquirir consciência de respeito com relação ao meio ambiente. 
  • Interpretar a água como um bem precioso que não deve ser desperdiçado. 

Compor algumas regras para o bom convívio social através de cartaz (leitura visual). 

Dever de casa – Leitura e escrita das famílias silábicas em estudo. 
CONTEÚDOS E ATIVIDADES

Linguagem escrita 

  • Produção livre de desenhos, produções dirigidas desenhos relacionados ao tema das famílias silábicas e datas comemorativas. 
  • TRABALHAR A ANALISE DE PALAVRAS DIARIAMENTE (através de atividades no caderno, na lousa, nos jogos, nas musicas e nos cartazes). 
  • Realizar DITADO TODOS OS DIAS. O ditado favorece a reflexão, analise e síntese das famílias silábicas já estudadas, e aguça a curiosidade para o conhecimento de novas famílias silábicas simples e complexas, já que as crianças já estão pré-alfabetizadas.

Leitura e escrita com Rr ra re ri ro ru rão
* Linguagem Simbólica – uso de etiquetas, símbolos, rótulos diferentes, recortes de jornais e revistas para que as crianças consigam identificar as famílias silábicas em estudo e as já estudadas.

Leitura e escrita – rabo, raio, ralo, rede, remo, rico, rio, ré, rei, réu, rodo, roubo, ruga, remédio, rodada.

Reco-reco e o rato 
O rato roeu a roupa do rei. 
Reco-reco é amigo do rei. 
- Miauuuuuu... 
Reco-reco pulou no rato. 
O rei riu e falou: 
- Reco-reco pegou o rato pelo rabo. 

* Realçar a necessidade de combater os ratos, pelo perigo da transmissão de doenças.

 Leitura e escrita com Ss sa se si so su são
* Compreensão e interpretação:

  • Associar figuras a palavras ditas e histórias contadas relacionadas às silabas já estudadas. 
  • Identificar a figura que inicia ou finaliza a família silábica em estudo.


Leitura e escrita – saia, saco, sala, selo, sede, soma, sino, sopa, soco, sofá, sabiá, sacola, sumo, suco, são.

O sapo 
O sapo saiu da lagoa. 
- Oi! Oi! Oi! Oi! 
Simão falou a Sófia: 
- Cuidado, Sofia! O sapo sobe na sua saia. 
Sofia riu e falou: 
- O sapo não é mau. Ele é amigo!
Sofia é uma menina sabida. 
SETEMBRO
CONTEÚDOS E ATIVIDADES

Movimento 

  • Explorar todo o brincar, o dançar o dramatizar do tema das datas comemorativas. 
  • TRABALHO MOTOR FINO: rasgadura, enfiagem, dobradura e colagem relacionada sempre a leitura. 
  • Exploração da relação corpo e espaço (lateralidade fundamental para o aprimoramento da escrita). 


Musical 

  • Explorar toda a parte musical que envolva o tema das datas comemorativas.


Arte Plástica 

  • Toda a decoração do espaço da sala de aula com cartazes, painéis que envolvam o tema das datas comemorativas e famílias silábicas em estudos (todos os dias explorar os cartazes, para o aprimoramento da leitura e escrita). 
  • Explorar desenhos, pinturas, recortes e colagens que envolvam os temas em estudo.


Arte teatral 

  • Buscar a ação teatral relacionada aos temas em estudo. 
  • Realizar a caracterização das crianças conforme a escolha da ação teatral.


AVALIAÇÃO:
A avaliação será continua através da:
1. observação.
2. participação.
3. socialização de saberes (de acordo com a maturação)
4. execução das atividades.

METODOLOGIA
Aulas dialogadas, vivenciadas, com auxílio de materiais concretos, excursões, entrevistas, atividades orais e escritas; dramatização e música.

DATAS COMEMORATIVAS
CONTEÚDOS E ATIVIDADES

Linguagem oral 

  • Favorecer para que as crianças tenham o seu momento de falar sobre os temas das datas comemorativas, através de suas experiências. 
  • Favorecer para que as crianças observem cenas relacionadas ao tema e as interpretem, contando suas próprias histórias. 
  • Criar o momento da história (relacionada as datas comemorativas e as famílias silábicas em estudo) contada pela professora, e fazer a interpretação da mesma, levando a criança a elaborar perguntas e respostas. 
  • Realizar leituras incidentais e formais com as silabas já trabalhadas. 
  • Descobrir novas palavras com as Silabas das famílias silábicas estudadas. 
  • Estudo das famílias silábicas – Tt - Vv – Xx - Zz e contextualiza-las com o estudo dos astros - OS ASTROS: SOL; LUA; ESTRELAS.
  • Realizar leituras dirigidas que tenham sido enviadas para casa pra serem estudadas. 
  • REALIZAR interpretação de textos. 
  • REFORÇO COM AS CRIANÇAS QUE TEM DIFICULDADE DE LEITURA ( a partir de agora só terão dificuldades as crianças que não são devidamente acompanhadas pelos pais, por tanto cabe a educadora da série em questão mostrar sempre a importância do acompanhamento familiar).


Ciências Naturais e Ciências Sociais

  • O céu de dia. O que posso ver? 
  • O céu de noite. O que posso ver?
  • O que é o sol? O que é a lua? O que são estrelas? 
  • O que posso fazer de dia? 
  • O que posso fazer a noite?
  • A mesma paisagem muda do dia para noite? 
  • Por que existe dia e noite? (movimento da terra ao redor do SOL)
  • O tempo: sol ensolarado; chuvoso; nublado; a chuva de noite. 


Matemática 

  • Realização de contagem livre dos números de 0 a 40
  • TRABALHAR A ESCRITA NUMÉRICA BUSCANDO AJUDAR AQUELES QUE AINDA TEM DIFICULDADES. 
  • Reconhecer a necessidade e a função do número (calendário, relógio e  idade das crianças). 
  • Iniciar o trabalho CONCRETO para o entendimento das MEDIDAS DE TEMPO: dia e noite, dias da semana, relógio – hora. 
  • Classificação (separar): quantidades pedidas pela atividade; explorar as medidas. 
  • Correspondência um a um: relacionar número a quantidade.
  • Agrupamento (juntar): por quantidade numérica.
  • Seriação (o ato de organizar obedecendo a uma ordem ou uma  seqüência). Explorar seqüência numérica e relação número e quantidade de 0 a 50. Conhecer vizinhos numéricos (antecessor e sucessor) 
  • Compor e decompor objetos (figuras) - (analise e síntese). Quebra- cabeça de figuras relacionadas aos temas em estudo. 
  • Seqüência : de ações; e quadros de história relacionados a leitura e escrita dos temas em estudo. 
Dever de casa – Leitura e escrita das famílias silábicas em estudo.


Via Slideshare de Simone Helen Drumond
Plano de alfabetização. Reviewed by Elaine Cristine on 14:10 Rating: 5

Nenhum comentário:

All Rights Reserved by Aprender e Brincar © 2014 - 2015
Powered by Blogger

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.