Caderno de Parlendas Ilustrado.

Parlenda, ou trava-língua, é uma forma literária tradicional, rimada com caráter infantil, de ritmo fácil e de forma rápida. Usada, em muitas ocasiões, para brincadeiras populares.

As parlendas não são cantadas e, sim, declamadas em forma de texto, cuja finalidade é entreter a criança, ensinando-lhe algo.
Os portugueses dominavam as parlendas cantilenas ou lengalengas. Na literatura oral é um dos entendimentos iniciais para a criança e uma das fórmulas verbais que ficam, para sempre, na memória adulta.

O objetivo desta atividade é criar um livro de parlendas ilustrado inteiramente pelos alunos do jardim 2, juntamente com suas famílias, proporcionando assim, momentos alegres que ficarão impressos no papel e na memória para sempre!

Diariamente um aluno irá levar o caderno de parlendas para casa, juntamente com a pasta de materiais e irá ilustrar a parlenda do seu jeito, podendo ser com desenho, colagem, dobradura, pintura, ou o que desejar, mas seguindo sempre o tema da parlenda a ser ilustrada.

Lembre-se que todos irão utilizar os materiais, então cuide para que a pasta esteja sempre em ordem, pincéis limpos, lápis apontados, canetinhas e tintas tampadas, assim, no outro dia, o coleguinha também vai poder fazer seu trabalho para completar o livro.

Nunca esqueça de trazer o caderno para que o outro coleguinha possa levar também, lembrando que já está combinado que quem esquecer, perderá o direito de levar o caderno quando chegar novamente sua vez.

No final do ano o caderno será parte de uma exposição, e fará parte do material da escola, para que as outras turmas possam usar, e o que é melhor: feito por nós.

Vamos lá! Estamos esperando sua obra de arte!!!!!!

Quem desenhou a parlenda foi Prof.ª Vanessa

A Bruxa

Era uma bruxa
À meia-noite
Em um castelo mal-assombrado
Com uma faca na mão
Passando manteiga no pão.
Parlenda ilustrada por Jael.

Mindinho
Seu vizinho
Pai de todos
Fura bolo
Mata-piolhos.
Parlenda ilustrada por Nayara.

Uni duni tê
Salamê minguê
O sorvete colorê
O escolhido foi você.
Esta parlenda foi feita pelo Antônio.

A casinha da vovó
Cercadinha de cipó
O café ta demorando
Com certeza não tem pó!
Quem registrou a Parlenda foi pedro H.

Quem é?
É o padeiro.
O que você quer?
Dinheiro.

Então espere um pouco
Que eu vou buscar
O seu dinheiro
Bem embaixo do travesseiro.
Parlenda ilustrada por Carlos E.

Fui à feira comprar uva
Encontrei uma coruja
Pisei no rabo dela
Ela me chamou de cara suja!
Quem ilustrou a Parlenda foi Isabelle.

Lá em cima do piano
Tem um copo de veneno
Quem bebeu morreu,
O azar foi seu!
Quem ilustrou a Parlenda foi Lucas.

Ana Maria ficou com catapora
Por 24 horas, Vixe!
Quem ilustrou a Parlenda foi Libni.

Lá na rua 24
A mulher matou um gato
Com a sola do sapato
O sapato estremeceu,
a mulher morreu...
O culpado não fui eu!
Quem ilustrou a Parlenda foi Mateus.

Passei na pinguelinha
Chinelo caiu do pé
Os peixinhos reclamaram,
Que cheirinho de chulé!
Quem ilustrou a Parlenda foi Débora.

A galinha do vizinho
Bota ovo amarelinho
Bota 1
Bota 2
Bota 3
Bota 4
Bota 5
Bota 6
Bota 7
Bota 8
Bota 9
Bota 10
Quem ilustrou a Parlenda foi Carlos B.

Salada saladinha,
Bem temperadinha
Com sal, pimenta,
1, 2, 3.

Quem ilustrou a Parlenda foi Pedro Siqueira.

Hoje é domingo
Pé de cachimbo
Cachimbo é de ouro
Bate no touro
O touro é valente
Bate na gente
A gente é fraco,
Cai no buraco,
O buraco é fundo
Acabou-se o mundo.
Quem ilustrou a Parlenda foi João Lucas.

Seu Chico Bode,
É um homem de pagode
Foi por fogo no cachimbo
Pegou fogo no bigode.
Quem ilustrou a Parlenda foi Joice.

Era meia-noite
Noite noite noite
Tinha uma caveira
Veira, veira, veira
Ela era bonita
Nita, nita, nita.
Quem ilustrou a Parlenda foi Victória.

Uma pulga na balança,
Deu um pulo e foi à França
Os cavalos a correr
As meninas a brincar,
Vamos ver quem vai pegar.
Quem ilustrou a Parlenda foi Luciene.

Um homenzinho torto
Num caminho torto
Achou um dinheirinho torto
Em cima de um pau torto.
Comprou um gatinho torto
Que encontrou um ratinho torto
E viveram todos juntos
Numa casa torta.


Um comentário: